Como implementar a análise SWOT na sua clínica médica?

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
análise swot clínica médica

Você é administrador e quer saber como aplicar a análise SWOT em sua clínica médica? Então, este conteúdo é para você!

Tanto a estratégia quanto a gestão de uma clínica depende de entender a sua realidade. Portanto, analisar os fatores internos e externos que influenciam o seu negócio é algo fundamental.

Continue a leitura deste post para descobrir como utilizar a análise SWOT a seu favor, a fim de tomar decisões mais assertivas para a sua empresa!

O uso da análise SWOT na clínica médica

Administrar uma clínica não é algo fácil. Você precisa conhecer bem o seu negócio para tomar as melhores decisões. 

Sendo assim, a análise SWOT na clínica médica convida o gestor a olhar para o que é essencial. O método é simples, mas de grande valia.

Basta você preencher um quadro, organizado em 4 (quatro) categorias tanto de aspectos internos quanto externos da clínica:

Internos

Os aspectos internos são itens sob o controle da clínica e que podem ser mudados:

  • Forças: são as características da clínica que representam vantagens de mercado;
  • Fraquezas: são os elementos de desvantagem que precisam ser mudados.

Externos

São os fatores sobre os quais a clínica não tem muito controle:

  • Oportunidades: são os acontecimentos relativos ao mercado de saúde favoráveis à clínica;
  • Ameaças: são os acontecimentos que podem prejudicar os negócios da clínica.

Depois de preencher este quadro, você terá um panorama geral sobre a situação da sua empresa bem como do mercado no qual ela está inserida. 

Estas informações serão úteis tanto para guiar a gestão da sua clínica, quanto para criar uma estratégia de negócios.

Como usar a análise SWOT na sua clínica médica? 

Você pode dividir a tarefa em 2 (duas) etapas, começando pelos elementos internos. 

Sendo assim, procure dados que sirvam como base para definir as forças e fraquezas da sua clínica.

Uma boa forma de fazer isso é aplicando pesquisas de satisfação com os seus pacientes, analisando os resultados financeiros, falando com os colaboradores e assim por diante.

Na segunda parte, você irá preencher as oportunidades e ameaças. Aqui, será preciso examinar o mercado ao qual sua clínica pertence.

Portanto, pesquise sobre mudanças na lei, economia, inovações tecnológicas, empresas concorrentes ou possíveis parceiras. Enfim, tudo o que pode influenciar seu negócio.

Exemplo de aplicação da análise SWOT em clínica médica

Confira, a seguir, um exemplo de aplicação da análise SWOT em uma clínica médica:

Forças

  • Equipe qualificada e que presta um atendimento eficiente;
  • Sala de espera nunca fica lotada. Além disso, os pacientes não precisam esperar muito;
  • Pesquisas com os pacientes mostram que a maioria deles recomendaria a clínica para amigos e familiares.

Fraquezas 

  • Marketing da clínica está trazendo poucos novos clientes;
  • Clínica mau localizada;
  • Consultas marcadas em uma agenda de papel.

Oportunidades

  • Clínica procurando parceiros para dividir um espaço de coworking;
  • Cursos para treinamento da equipe;
  • Inovações tecnológicas para otimização dos processos da clínica.

Ameaças

  • Crise econômica acentuada;
  • Fornecedores de materiais que aumentam os preços;
  • Concorrentes com preços mais atrativos.

Para aproveitar todo o potencial dessa ferramenta, é importante fazer a análise com certa frequência. Assim, você pode estipular metas e verificar seu sucesso ao longo do tempo.

Como avaliar o resultado da análise SWOT na clínica médica? 

Para avaliar os resultados, você precisa cruzar as informações das categorias internas e externas, observando a sua relação. 

Cada combinação diz algo diferente sobre a posição da clínica no mercado. Assim, você pode traçar uma estratégia mais assertiva para o seu negócio.

Confira, a seguir, mais detalhes sobre cada combinação:

Forças x oportunidades 

As forças da clínica estão alinhadas com as oportunidades do mercado. Ou seja, você não precisa fazer qualquer modificação na empresa para aproveitar um cenário vantajoso.

Exemplo: cresceu a demanda por serviços da especialidade da sua clínica e você já conta com profissionais qualificados para atender mais pacientes. 

Portanto, sua estratégia pode ser a de expansão do negócio. Ou seja, você pode investir mais em divulgação para garantir a liderança no seu nicho.

Forças x ameaças

Aqui, o cenário não é favorável para a clínica, mas suas forças são capazes de conter os efeitos prejudiciais dos fatores externos.

Exemplo: a crise econômica está afetando os serviços de saúde, mas você já conquistou em anos anteriores uma boa quantia de pacientes fiéis e que garantem a estabilidade financeira da sua clínica.

Neste caso, a estratégia deve ser mais cautelosa. É preciso analisar as necessidades do mercado e ficar atento às movimentações dos concorrentes.

Talvez seja possível uma reação, mas é importante não assumir riscos desnecessários.

Fraquezas x oportunidades

Nesta situação, os fatores externos são favoráveis, mas a clínica ainda não está em boas condições de aproveitar oportunidades.

Exemplo: as pessoas estão mais preocupadas com a saúde e aumentou a demanda por consultas, mas a clínica não tem profissionais suficientes para atender a nova demanda.

Neste cenário, o gestor pode fazer mudanças e aproveitar o momento favorável. Assim, a estratégia é de crescimento, contratando novos profissionais e investindo na infraestrutura da clínica.

Fraquezas x ameaças

Esta é a combinação mais desafiadora de todas. Quando essas categorias predominam na análise, significa que os fatores externos atingem exatamente os pontos mais frágeis da clínica. 

Exemplo: um projeto de lei é aprovado em sua cidade, estipulando um tempo mínimo de espera. No entanto, a fraqueza da sua clínica é justamente a demora da fila.

Diante desta ameaça, a estratégia é se adequar à nova realidade. A clínica deve passar por uma reorganização interna, eliminar este ponto fraco e garantir sua sobrevivência.

Estes exemplos nos mostram que apesar da análise SWOT na clínica médica ser algo simples, ela precisa de muita atenção e preparo do administrador.

Agora que você já sabe como analisar os elementos importantes para a sua gestão e planejamento, chegou a hora de se aprofundar no assunto.
Baixe agora mesmo nosso e-book com dicas fundamentais para criar um planejamento estratégico da sua clínica!

Perguntas frequentes:

Por que fazer análise SWOT na clínica médica?

Para ter um diagnóstico preciso da sua clínica e do mercado no qual ela está inserida. Desse modo, você tem as informações necessárias para a gestão da clínica e o plano estratégico.

Como usar a análise SWOT na sua clínica médica?

Colhendo dados objetivos da sua clínica para definir as forças e fraquezas, e pesquisando as oportunidades e ameaças que influenciam o mercado de saúde.

Como avaliar o resultado da análise SWOT na clínica médica?

É preciso comparar as informações das categorias internas (forças e fraquezas) com as externas (oportunidades e ameaças). A combinação entre estes elementos irá mostrar a situação em que a clínica está perante o mercado.

Siga a Feegow!

Posts recentes