Categorias
Gestão Financeira

Como migrar o controle financeiro da sua clínica para o digital?

Se você deseja obter um maior controle financeiro da sua clínica, com informações mais organizadas, é hora de pensar em uma gestão digital! O tempo de dados registrados em papel e prontuários preenchidos a mão acabou.

Assim como em outras áreas, a Medicina descobriu os benefícios de implantar sistemas para facilitar suas tarefas do dia a dia. Afinal, a gestão financeira de serviços em saúde requer atenção para manter a estabilidade e segurança dos pacientes.

As duas coisas não parecem estar muito ligadas em um primeiro momento. Porém, é necessário ter as contas em dia para, por exemplo, comprar materiais que garantam um bom atendimento, além da realização de procedimentos e do conforto de seus clientes.

Continue lendo e descubra como implementar uma gestão eficiente na sua clínica!


A importância de um controle financeiro para clínica

O controle financeiro em clínicas se dá por meio do acompanhamento das despesas e receitas. Analisar estes marcadores ajuda a entender o crescimento no faturamento e a fazer ajustes nos gastos.

A gestão apoiada por tecnologias é uma maneira eficiente de avaliar a saúde financeira da sua clínica ou consultório. Ela organiza as informações e possibilita a extração de relatórios precisos a qualquer momento para uma melhor tomada de decisão, como:

  • Acompanhamento do fluxo de caixa para pagar as despesas diárias, estimando o quanto o número de clientes deve crescer para cobrir os gastos;
  • Análise dos indicadores financeiros para diminuir os riscos da operação e garantir a sustentabilidade no futuro;
  • Pensamento estratégico para crescer, conquistar pacientes e melhorar serviços.

Hoje em dia, muitas das tarefas de gestão clínica podem ser feitas de maneira digital. A eficiência para acessar todo esse material é inegável.

O nível de detalhamento proporcionado também é grande, pois podem ser armazenados exames e laudos digitais que não ocupam espaço físico. Esse tipo de ferramenta também torna as informações muito mais seguras e automatizadas.

A gestão clínica bem executada, então, tem o poder de organizar as finanças do seu estabelecimento, bem como melhorar o atendimento de uma maneira geral.


O que é preciso para implantar a gestão financeira em clínicas?

Para implantar um controle financeiro eficiente na sua clínica, é necessário conhecimento de legislação, principalmente tributária.

Isto é fundamental para que o seu negócio não tenha problemas com a Receita Federal, por exemplo, e esteja sempre com todos os impostos e taxas em dia.

Fora isso, um dos principais objetivos da gestão clínica deve ser manter a qualidade do atendimento e não comprometer seu faturamento.

É preciso garantir que seu negócio seja rentável para oferecer uma boa infraestrutura e serviços em saúde que promovam o bem-estar dos pacientes.

A Feegow sabe que o controle financeiro de uma clínica, independente do seu tamanho, pode ser um grande desafio. Por isso, separamos atividades essenciais para sua gestão:


Mapeie as finanças da clínica

Ter conhecimento sobre os gastos fixos e variáveis é importante para a gestão financeira. Anote tudo para determinar os custos mensais e analisar se é possível alguma economia.

Observar também a fonte de receita é fundamental para entender se o momento é de crescimento ou de retração. Assim, você pode criar estratégias para aumentar os ganhos, atraindo novos pacientes e marcando mais consultas.


Organize as contas a pagar e a receber

Organizar as datas de pagamento das contas é essencial para não entrar no vermelho. Às vezes, você pode até mesmo negociar a data de vencimento de algumas despesas.

Este equilíbrio evita a ocorrência de pagamentos em atraso, multas e cortes de serviços básicos, como energia elétrica ou internet.

Cobrar os inadimplentes, por exemplo, é uma das maneiras de garantir a saúde financeira da sua clínica. Além de ser um direito seu pelo serviço realizado, esta ação pode ser vital para equilibrar as contas.


Tenha um planejamento

Planejar o crescimento e a melhoria da sua clínica é algo que deve estar no radar. Porém, é necessário estabelecer prioridades tanto em relação ao que é mais importante, quanto ao que é possível fazer de acordo com as suas finanças.

Ao criar este cenário, você consegue evitar contas arriscadas e avalia com cautela o que pode ou não ser feito.


Adote um sistema de gestão

O uso da tecnologia no dia a dia se tornou quase obrigatório para o acesso a dados e o controle financeiro de clínicas e consultórios. O maior ganho é justamente a centralização das informações e a possibilidade de elaborar relatórios para a tomada de decisão.

Além disso, a digitalização de processos reduz custos com papel e impressão, economiza materiais de escritório e diminui o espaço físico necessário para armazenamento de documentos.


Como garantir um bom controle financeiro na sua clínica?

O setor financeiro precisa estar atento a alguns detalhes para ser eficiente. Separamos 4 (quatro) itens essenciais para você acompanhar na gestão da sua clínica:


Atenção aos impostos

A tributação é diferente dependendo do serviço prestado, do procedimento realizado e do tamanho da clínica. Por esse motivo, a contabilidade deve ser feita com atenção e apoio de um especialista.

Se o estabelecimento for de pequeno porte, talvez seu imposto se enquadre em Pessoa Física. Mas se realizado de maneira incorreta, você pode ter problemas na regularização.

Caso o médico opte por usar seu CPF, ele deverá reter tributos na fonte com taxas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Imposto de Renda e Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) sobre os ganhos totais.


Controle do fluxo de caixa

Um fluxo de caixa organizado é fundamental para manter as contas em dia. Como já comentamos, acompanhar as transações realizadas é vital para entender o momento financeiro da empresa.

Tendo essas informações em mãos, faça planos para melhorar os serviços, pensando em eventuais reformas e tomando decisões sobre a captação de novos clientes, por exemplo. O uso de uma plataforma integrada dá suporte a este tipo de análise.


Registro de despesas

Existem despesas fixas e variáveis que devem ser registradas e analisadas. O intuito é compreender o que pode ser reduzido ou negociado em relação às contas a pagar e a receber, além da cobrança dos inadimplentes e do repasse dos convênios.

O registro de todos esses números é fundamental para não haver discrepâncias entre o orçamento previsto e o recebido.


Pagamento de pró-labore

Os valores de pró labore aos sócios e proprietários da clínica devem ser acompanhados, pois representam uma fração considerável no orçamento da clínica. Afinal, o recolhimento deve ser de 11% para o INSS no Simples Nacional e de 31% do lucro presumido.

O conhecimento da legislação tributária é imprescindível para não haver problemas com o fisco. Além disso, o recibo do pró-labore assinado pelos sócios ajuda a organizar o fluxo de pagamentos.


Principais benefícios do controle financeiro

O controle financeiro da sua clínica ou consultório organiza a saúde financeira a curto, médio e longo prazo.

Com o acompanhamento de resultados e uma visão ampla do seu negócio, é possível fazer um planejamento para redução de gastos ou expansão e melhorias.

Confira outros benefícios importantes dessa prática, a seguir!


Visão geral da operação

O controle financeiro lida com os custos operacionais, analisando os riscos e aumentando a eficiência dos seus processos. Para oferecer uma visão estratégica e dados confiáveis, uma ferramenta digital pode ser a solução.

acompanhamento dos indicadores deve ser feito periodicamente para prevenir erros financeiros. Essa ação também proporciona a identificação de novas oportunidades.


Centralização de informações


Além de facilitar o acesso a informações financeiras da sua clínica e dados dos pacientes, um sistema de gestão pode centralizar tudo isso, minimizando falhas. Com tudo isso em mãos, seu negócio oferece mais segurança e efetividade nos cuidados com o público.

O controle de estoque de materiais e medicamentos também pode ser feito pelo software de gestão clínica.

Evitar desperdícios e compras em excesso é muito importante ao gerir as finanças do seu estabelecimento.

Produtividade

Uma boa gestão minimiza retrabalhos, contribuindo para a produtividade do corpo clínico.

As soluções de agenda inteligente, confirmação de consultas e outras possibilidades de automação tornam o trabalho manual desnecessário.

Dessa forma, sobra tempo para que seus colaboradores se dediquem a outras atividades mais estratégicas.

Independência de espaço físico

Sistemas de gestão ideais são aqueles que possuem armazenamento em nuvem. Esta tecnologia é mais segura, pois possui backup constante.

Com esta solução, não há necessidade de um servidor físico – que ocupa muito espaço e consome energia elétrica. Gerando assim, mais um ponto de economia.


Migrando a gestão clínica para o digital com a Feegow


Se você está pensando em gerenciar de maneira inteligente a agenda dos seus médicos e ainda fazer seu negócio crescer, a Feegow pode ajudar. Com nosso software de gestão clínica, você pode otimizar tarefas e ter total controle financeiro com:

  • relatórios detalhados das entradas e saídas de caixa;
  • gráficos para acompanhar o crescimento da clínica;
  • diversas funcionalidades que facilitam o dia a dia financeiro.

Adotar um sistema como o Feegow Clinic leva mais organização e praticidade para o seu dia a dia.

A digitalização dos processos diários e centralização das informações oferecem segurança na gestão e garantem muito mais eficiência à sua operação.

Sabemos que cuidar do bem-estar dos seus pacientes e ter uma gestão eficaz é vital para o crescimento do seu negócio. Por isso, elaboramos um e-book gratuito com dicas de planejamento financeiro.

Baixe agora mesmo e veja como a tecnologia pode te ajudar!

Perguntas frequentes:

Qual é a importância de um bom controle financeiro para consultório?

Ter um bom controle financeiro é importante para acompanhar as receitas e despesas, planejando as próximas ações sem comprometer o orçamento.

O que é fundamental na gestão financeira para clínicas?

A gestão clínica precisa estar atenta a impostos, fluxo de caixa, custos fixos e variáveis e pró-labore para manter os negócios em ordem.

Por que investir na digitalização da gestão clínica?

A digitalização contribui para uma gestão eficiente pois minimiza os retrabalhos, melhora a produtividade da clínica e mantém todos os dados importantes centralizados. Assim, o controle financeiro é maior.