Categorias
Tecnologia para clínicas

Telemedicina na Prática: aprenda como aplicar a tecnologia no seu dia a dia

Esta tecnologia é um dos assuntos mais em alta na medicina atualmente, mas ainda há muitas dúvidas de sua aplicação. Saiba aqui como usar na rotina de clínicas!


Uma das temáticas mais em voga atualmente quando o assunto é atendimento médico são as teleconsultas. E neste artigo vou simplificar o processo para você!


Seja na boca dos profissionais da área ou da população brasileira que está precisando aprender sobre e entender do que se trata para usar em suas necessidades de consultas, a telemedicina tem sido um assunto muito falado. 


Não à toa, as buscas pelo termo no Google saltaram exponencialmente!

Aqui, no blog, nós já temos um super post sobre telemedicina. Onde falei sobre origem da tecnologia, sobre questões legais, vantagens, possibilidades de aplicabilidade e por aí vai. 

Clica para ler que o material está bem legal!

Agora chegou o momento de falar um pouco sobre como funciona a Telemedicina na prática. E, para isso, vou usar o exemplo do Feegow Clinic, ok? Então, vamos lá!

O primeiro passo para atender via telemedicina é ser usuário de um software que tenha esse recurso disponível. 


Aqui é bom lembrar que durante a pandemia, o Feegow Clinic está disponibilizando o recurso de telemedicina de forma gratuita para quem é cliente! Então, vale a pena dar uma conferida!

Voltando ao passo a passo, após ter a plataforma para realizar suas consultas, é preciso ter em mente que é necessário possuir alguns outros itens.


O Certificado Digital válido em território nacional é um deles. Isso porque é através desta certificação que o médico irá usar sua Assinatura Digital para, então, assinar documentos como prescrições, atestados e pedidos de exames. 


Algo importante a ser destacado neste caso é que este certificado é individual, ou seja, cada profissional de saúde precisa possuir o seu próprio. Portanto, atenção!


Dando prosseguimento à fala sobre o que é necessário para iniciar o atendimento remoto, chegamos à parte que diz respeito ao equipamento fundamental para execução da operação.

 

E é bem simples, tanto médico quanto paciente precisam apenas ter um dispositivo com câmera e microfone testados e em bom funcionamento, além de uma boa conexão de internet. 

Pronto! Tendo estes itens, já pode começar a atender!

Mas aí você vai querer saber como funciona na hora crucial, no momento de realmente realizar o atendimento. Por isso, nosso próximo tópico vai explicar como fazer.

E é mais intuitivo do você imagina! O pontapé inicial é efetivar a configuração do recurso dentro do software.

➡ Quero lembrar mais uma vez que neste artigo estou utilizando o Feegow Clinic como exemplo. Logo, tenha sempre em mente que em outros softwares podem ter diferenças de usabilidade. 


Após ter a funcionalidade configurada e ativa na licença, você vai seguir o tutorial de realização de procedimentos e agendar o paciente de forma natural, seguindo a metodologia do sistema.

Ao agendar o paciente, você irá preencher os dados do mesmo com muita atenção para não haver erros, será a partir destes dados cadastrados que ele terá acesso à consulta! E guarde essa informação, vou retomar o assunto acesso do paciente mais à frente.

A partir daí, os passos a seguir são bem simples.

No momento da consulta, quando o seu paciente se conectar, ele aparecerá na sala de espera online, e a opção de “Atender Online” em um botão roxo irá ficar visível para você.

Basta, então, clicar neste botão para que seja aberta a ficha do paciente e a janela de conferência para a teleconsulta.

Essa janela vai ficar em menor tamanho para você sobreposta à tela do sistema, assim, você tem acesso às funcionalidades necessárias durante a consulta. 


No andamento do atendimento, você poderá:

✔ usar o prontuário eletrônico;

✔ registrar a consulta para manter o histórico do paciente no formato de linha do tempo;

✔ prescrever medicação;

✔ leitura e análise de laudos;

✔ realizar pedidos de exames.

Lembra que eu falei sobre o acesso do paciente? O Feegow Clinic dispõe de uma Área do Paciente.

Essa área permite que você envie, via WhatsApp, E-mail ou SMS, a confirmação da consulta para o paciente junto com um link para o acesso. Ele se conectará à teleconsulta através deste link e utilizará CPF e Data de Nascimento para entrar. Por isso, é tão importante não haver erros de cadastro.

Gostou de entender um pouco melhor como funciona a telemedicina na prática? Tenha sempre em mente os passos para reafirmar o quanto é simplificado e não tem bicho de sete cabeças. 

Este site utiliza cookies para otimizar a sua experiência de navegação!